Bruno de Carvalho criticou as escolhas de Pedro Madeira Rodrigues para a sua lista, nomeadamente a de Ricardo Pina Cabral, que é o gestor de talentas da estrutura para o futebol apresentada pelo candidato pela lista B. De acordo com o atual presidente verde e branco, o advogado tem ligações a Nélio Lucas, dono da Doyen, um dos fundos que tem merecido a oposição tenaz de Bruno de Carvalho.

“No dia 4 têm de decidir se querem colocar a Doyen dentro do Sporting. Felizmente os sportinguistas são inteligentes e vão dar-lhe a resposta que merece no dia 4”, atirou Bruno de Carvalho. “É com as pessoas mais íntimas de Nélio Lucas que vamos liderar o futebol? É essa pessoa que queremos para gerir os talentos do Sporting? Recuperámos, com muito esforço, passes de 37 jogadores e agora vamos entregar tudo à Doyen?”

Fonte: record.pt