“O maior rival dele eram as garrafas de whisky”

Laszlo Boloni foi o último treinador campeão pelo Sporting em 2001 / 2002.

Em entrevista ao desporto ao minuto o treinador romeno falou sobre a luta de Jardel e o álcool.

Palavras fortes que devem ser lidas e que nos deixam a pensar o que foi o passado de um dos melhores marcadores da história do Sporting.

Lazlo Boloni sobre Jardel:

” Na primeira época, a relação com Mário Jardel correu da melhor forma. Na segunda temporada fizemos bastantes esforços para o salvar do álcool e das drogas. Vocês têm de saber que Jardelteve muitos adversários e o maior de todos não foram os defesas, mas as garrafas de whisky, e outras coisas também. Nós fizemos de tudo para o salvar. Nós fizemos vários esforços para o apoiar, para o fazer sair desta situação muito perigosa para ele e que nos enfraquecia como grupo. Ele sempre foi correto e nunca tive um conflito pessoal com ele. Nós não podemos ganhar sempre e algumas vezes temos de reconhecer a nossa derrota. E Jardel lutou, mas perdeu a luta para o álcool. Eu tentei salvá-lo, mas o álcool venceu esta batalha. “

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.