Sporting acusa Sp. Braga

Poucas horas após o Sporting de Braga voltar a exigir que o Sporting pagasse valores que teria em dívida para com o clube, Bruno de Carvalho emitiu um comunicado onde arrasa o presidente arsenalista.

O líder leonino garante que “a FPF não obrigou o Sporting a pagar nada”, mas sim “aconselhou com base em duas suposições que poderiam ou não criar problemas de interpretação”.

“O Braga queria um milhão de euros. O Sporting pagou 707 mil. Por precaução, pagou mais 85 mil, que o Braga vai ter de devolver. Por precaução, pagou mais 17 mil, que, após o pagamento à LACO, o Braga deverá ter de devolver”, escreve Bruno de Carvalho.

“O Braga quis enganar o Sporting em cerca de 300 mil euros, tendo agora, por mera precaução nossa, recebido cerca de 100 mil euros que vai ter de devolver”, resume.

Além do mais, Bruno de Carvalho exige que seja aplicada uma “multa pesada ao Braga e competentes devido aos acontecimentos no relvado, nas bancadas e na tribuna”.

“Castigo pesado a Salvador pelo comportamento completamente labrego na tribuna – grosseiro, mal criado – e às suas ameaças a elementos da direção do Sporting e dos nossos Núcleos; Castigo pesado ao treinador do Braga por insultos e agressão (ainda por cima cobarde, pelas costas) a um atleta do Sporting; Interdição do Estádio da CM de Braga por o Braga ter, propositadamente, apagado as luzes quando os adeptos do Sporting CP iam sair”, pede.

Ler aqui

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.