Varandas ao ataque sobre arbitragem

Após a derrota com o FC Porto, Frederico Varandas dirigiu-se aos jornalistas antes de abandonar o Estádio do Dragão. O presidente do Sporting teceu algumas críticas à arbitragem depois da expulsão de Borja.

«Agora que a Liga terminou, quero apelar a quem regula para não ir de férias, porque ainda há um jogo muito importante: a final da Taça. E aí espero que apareça um árbitro com coragem. Nunca me desculpei com arbitragens e não é agora que o vou fazer, mas parece que o Sporting tem um presidente que incita à violência, um treinador que prepara uma equipa agressiva… Só assim se podem explicar oito expulsões em 34 jogos», começou por desabafar o líder leonino.

Ainda assim, Frederico Varandas reiterou confiança em Fontelas Gomes.

«Eu confio no presidente do Conselho de Arbitragem, confio na competência dele, mas peço-lhe que tenha a coragem de arrumar a casa. Eu sei que é difícil, porque eu também o estou a fazer, mas é preciso. Os árbitros podem ser muito competentes, mas se não tiverem coragem, em nada vão favorecer o futebol português. Têm que ter a coragem de ver o que toda a gente vê – não interessa se a camisola é do Sporting, do FC Porto ou do Benfica – e aplicar as regras», concluiu.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.