“William, és um mentiroso”

Ex-presidente do Sporting explicou telefonema para Mustafá à frente dos jogadores

A reunião, em Alvalade, com os jogadores do Sporting, em que Bruno de Carvalho fez um telefonema para o líder da Juve Leo foi abordada no depoimento do ex-presidente no Tribunal do Barreiro. No interrogatório, divulgado esta terça-feira pela CMTV, pode ouvir-se ainda o arguido a explicar a queda das tochas na área de Rui Patrício, aquando do dérbi com o Benfica.

Reunião com jogadores: “O William Carvalho virou-se para mim e disse a seguinte coisa, linda de se dizer a um presidente: ‘Julga que nós não sabemos que você nos mandou bater’? Eu vou até à porta [ligar a Nuno Mendes, Mustafá] – portanto não saio de dentro da sala, não combinado nada com ninguém – ele atende-me o telefone, eu ponho em voz alta e disse: ‘meu caro, como é que é, eu mandei bater em alguém?’ e ele sem saber minimamente o que é estava a acontecer diz-me assim: ‘mas eu não estou a perceber a pergunta, não estou a perceber’. ‘Estou a perguntar se mandei bater em alguém, essa do partir carros então, para mim é nova, nunca tinha ouvido falar em semelhante coisa. Mandei bater em alguém?’ ‘Não’. Eu desligo o telefone e disse: ‘William, és um mentiroso. Espero que agora todos os teus colegas tenham percebido que és um mentiroso de facto”.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.