Famalicão a “besta negra “

encontro deste domingo, no estádio José Alvalade, entre o Sporting e o Famalicão, a contar para a 26.ª jornada da I Liga, reveste-se de grande importância na caminhada leonina rumo ao título de campeão nacional.

O histórico de confrontos entre as duas equipas dá também indicações de que esta não será, de todo, uma partida fácil para o atual líder do campeonato. É que há mais de três anos que os leões não vencem o Famalicão.

A última vitória do Sporting sobre o conjunto famalicense remonta a novembro de 2017. Na altura, os verde e brancos venceram na receção ao Famalicão por 2-0, com golos de Bas Dost e Coates, e seguiram para a quinta eliminatória da Taça de Portugal.

Seguiram-se duas derrotas no campeonato do ano passado. Primeiro, e logo à sexta jornada, os famalicenses, a equipa sensação da última temporada, surpreenderam e venceram em Alvalade por 2-1. Já na segunda volta, o Famalicão voltou a repetir a façanha e derrotou, em casa, os leões por 3-1. Já nesta época registou-se o já referido empate a duas bolas no Minho, no início do mês de dezembro.

Sporting – Cristiano Palamarchuck assina contrato

O jovem defesa Cristiano Palamarchuk, de 14 anos, com nacionalidade portuguesa e ucraniana, assinou contrato de formação com o Sporting.

” Senti-me muito feliz, é um grande orgulho assinar e representar este Clube. É uma oportunidade única, quero aproveitá-la ao máximo e agradecer a todos os que me ajudaram a chegar até aqui. ” comentou o jovem jogador aos meios de informação do Sporting.

Cristiano Palamarchuk define-se como um ” defesa-central forte e que gosta de jogar simples. Sou um jogador que luta muito pelo colectivo e vou esforçar-me por chegar à equipa principal.”

Sporting de luto

Sporting está de luto face à morte de Luís Armando Pires, antigo jogador que representou a equipa verde e branca de andebol durante grande parte da carreira, e que foi “vítima de doença prolongada”.

O ex-atleta chegou a Alvalade ainda júnior, proveniente do Clube Atlético de Campo de Ourique, tendo, mais tarde, representado a equipa principal, até 1989, quando rumou ao Clube TAP.

No ano seguinte, Luís Armando Pires acabaria por regressar ao conjunto leonino, onde permaneceu durante mais três temporadas. Uma larga passagem, ao cabo da qual se sagrou campeão nacional em ambos os escalões.

Em forma de comunicado, o Sporting informa que, “no dérbi desta quarta-feira diante do Benfica, será feito um minuto de silêncio em homenagem ao antigo internacional”.

“Aos familiares e amigos, o Sporting endereça as mais sentidas condolências, não deixando de enaltecer e agradecer os anos de dedicação e devoção ao clube”, completa a nota.

” Médicos dizem que foi um milagre “

No programa ‘Raio-X’ da Sporting TV, Miguel Braga revelou que falou com o departamento médico do clube de Alvalade, que lhe disse que Nuno Mendes sair do lance no jogo com o Moreirense apenas com uma contusão foi um “milagre.

“Tive a sorte de falar diretamente com o departamento médico do Sporting e depois do que me disseram fiquei por um lado altamente aliviado, mas também um bocadinho angustiado com essa possibilidade: as palavras não são minhas, são do departamento médico do Sporting, que disse que foi um milagre o Nuno [Mendes] não ter tido uma lesão gravíssima no tornozelo e no joelho”, começou por dizer Miguel Braga.

“Temos de ter consciência que o Nuno é um miúdo de 18 anos, um internacional português, um jogador cheio de potencial. Sofre uma entrada destas e não houve qualquer tipo de proteção ao jogador, teve inclusivamente de sair. Será reavaliado novamente na quinta-feira”, acrescentou o responsável pela comunicação dos leões.

Sporting esclarece lesão de Nuno Mendes

Nuno Mendes foi reavaliado à lesão que sofreu na partida em Moreira de Cónegos, que o obrigou a ser substituído aos 38 minutos.

De acordo com informação divulgada pelos leões, o lateral-esquerdo “tem uma contusão na perna direita”, não tendo sido adiantado o tempo de paragem a que estará sujeito.